Documents of 20th-century Latin American and Latino Art

www.mfah.org Home

IcaadocsArchive

Document first page thumbnail
Editorial Categories [?]
Synopsis

The synopsis in English are coming soon.

Leia esta sinopse em português
Synopsis

Nesta entrevista concedida à jornalista e crítica de arte Angélica de Moraes, a artista Regina Silveira passa em revista cerca de 30 anos de atividade, desde sua formação em pintura (com Aldo Malagoli e Iberê Camargo) e gravura (com Marcelo Grassmann), na virada para os anos 1960, até sua atuação como professora de arte na Fundação Armando Álvares Penteado e na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, a partir da década de 1970. Regina Silveira descreve o uso que faz do desenho, como "instrumento de conhecimento", em seu trabalho; comenta o recurso a diversos procedimentos gráficos em sua produção; a importância dos códigos de representação, sobretudo da perspectiva, para suas distorções de imagens; seu interesse pela fotografia e pela arquitetura; as influências do surrealismo e do dadá em sua obra; a repercussão da arte conceitual no Brasil; e analisa as relações entre suas experiências como artista e como docente. Ao longo da conversa, Silveira comenta trabalhos específicos (entre outros, "A arte de desenhar", "Anamorfas" e "Projectio") e a relação que manteve com outros artistas, como Julio Plaza e Evandro Carlos Jardim, além do convívio com seus alunos.

Revert to English synopsis
Annotations

The annotations in English are coming soon.

Leia este comentário crítico em português
Annotations

Esta entrevista com a artista Regina Silveira foi realizada pela jornalista e crítica de arte Angélica de Moraes em 1995, para publicação no livro "Regina Silveira - Cartografias da Sombra", organizado por Moraes no mesmo ano. A publicação conta com reproduções de obras e cronologia da artista, além de textos críticos de autoria de Walter Zanini, Aracy Amaral, Annateresa Fabris, Tadeu Chiarelli, Kim Levin e da própria organizadora. Durante a conversa, Regina Silveira narra sua trajetória profissional, expondo, ao mesmo tempo, as motivações, os processos de seu trabalho e o seu entendimento da arte, em especial no que se refere à superação das categorias tradicionais e da especificidade dos meios na produção artística.

 

c- reciclagem de meios e processos artísticos        ver tb L

Revert to English annotations
Researcher
Equipe Brasil: José Augusto Ribeiro
Team
FAPESP, Sao Paulo, Brazil
Credit
Cortesia de Angélica de Moraes, São Paulo, SP.
Reproduzido com o consentimento de Regina Silveira, São Paulo, Brasil
Location
Biblioteca da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo