Documents of 20th-century Latin American and Latino Art

www.mfah.org Home

IcaadocsArchive

Document first page thumbnail
  • ICAA Record ID
    1110537
    TITLE
    [O autor das vinte e sete esculturas representando os...] / Jorge Amado
    IN
    Carybé. -- São Paulo, Brasil : Raízes Artes Gráficas, 1979
    DESCRIPTION
    p. 6- 10
    LANGUAGES
    English; Portuguese
    TYPE AND GENRE
    Book/pamphlet article – Essays
    BIBLIOGRAPHIC CITATION
    Amado, Jorge. "[O autor das vinte e sete esculturas representando os...]." In Carybé, 6-10. São Paulo, Brazil: Raízes Artes Gráficas, 1979.
    NAME DESCRIPTORS
    GEOGRAPHIC DESCRIPTORS
    ADDITIONAL AUTHORS
Editorial Categories [?]
Synopsis

This book is on the wooden panels sculpted by Carybé, an Argentine artist who resided in Brazil. The reliefs represent Candomblé Orishas, that is, male, female, or gender neutral Afro-Brazilian deities. In his introduction, Afro-Brazilian artist Waldeloir Rego states that each panel portrays a god with its insignias, sacred animals sacrificed at temples, objects and religious symbols, and details related to the vast repertoire of clothing worn by Orishas. The introduction to the book was written by well-known writer Jorge Amado; he discusses the personal experience of an artist who lived in the state of Bahia for decades, where he was a regular participant in Candomblé rituals. Amado was the one who wrote the texts explaining the various divinities represented in Carybé’s works. The book contains Carybé’s sketches—record of the creative process that each panel entailed—and a glossary on Bahian religions and cultural expressions.

Leia esta sinopse em português
Synopsis

Livro sobre os painéis de madeira de autoria do artista plástico argentino Hector Bernarbó, conhecido como Carybé. Os relevos representam os orixás, deuses do Candomblé, religião brasileira de origens africanas. O artista plástico afro-descendente Waldeloir Rego, num texto de introdução, informa que cada painel retrata um deus com suas insígnias, animais sagrados sacrificados nos templos, objetos e símbolos religiosos e detalhes da indumentária dos orixás. O escritor Jorge Amado apresenta o livro, destacando a vivência de Carybé no estado da Bahia, bem como seu envolvimento com o Candomblé. Jorge Amado também é autor dos textos explicativos sobre as divindades representadas nas obras. O livro contém esboços de Carybé registrando o processo de criação de cada painel e um glossário sobre a religiosidade e manifestações da cultura popular baiana.

Revert to English synopsis
Annotations

This document is the first register of the sculptural work of Argentine artist Hector Julio Páride Bernarbó (1911–97), known as Carybé. He, along with Mário Cravo Jr., was one of the few artists to delve into the representation of the religious cosmogony of Candomblé in three-dimensional language. Carybé was known mostly for his graphic and pictorial work that registered many aspects of traditional popular culture in the state of Bahia. Carybé was an initiate in Candomblé rituals and his drawings contain striking iconographic details that indicate deep firsthand knowledge of that Afro-Brazilian religion. The twenty-seven wood panels produced for the São Paulo branch of the Banco da Bahia were later donated to the Museu Afro Brasileiro da Bahia. The works are carved in cedar wood with inlays in gold, silver, cowry, copper, brass, glass, and iron. 

 

[For further reading, see in the ICAA digital archive by Raul Lody “Coleção Arthur Ramos” (doc. no. 1110525); “Coleção culto afro-brasileiro: um documento do candomblé na cidade do Salvador” (doc. no. 1110527); “Coleção culto afro-brasileiro: um testemunho do Xangô pernambucano” (doc. no. 1110526); “Dezoito esculturas antropomorfas de orixás” (doc. no. 1110529); “Símbolo do mando” (doc. no. 1110531); and “Yorubá: um estudo etno-tecnológico de 50 peças da coleção arte africana do Museu Nacional de Belas-Artes” (doc. no. 1110532). In addition, see by Abelardo Duarte “Catálogo ilustrado da Coleção Perseverança” (doc. no. 1110522); by Carlos Eugênio Marcondes de Moura “Religiosidade africana no Brasil; Arte afro-brasilidade” (doc. no. 1110519); by Maria Lúcia Montes “Cosmologias e altares” (doc. no. 1110528); by Luiz Felipe de Alencastro “Geopolítica da mestiçagem” (doc. no. 1111371); from the Museu Histórico Nacional “Para nunca esquecer. Negras memórias. Memórias de negros” (doc. no. 1110530); by Jocélio Teles dos Santos “Catálogo do Museu Afro Brasileiro = Catalogue of the Afro-Brazilian Museum” (doc. no. 1110521); by Vagner Gonçalves da Silva “Arte religiosa afro-brasileira. As múltiplas estéticas da devoção brasileira” (doc. no. 1110520); by Oneyda Alvarenga “Catálogo ilustrado do Museu Folclórico” (doc. no. 1110523); and by Rita Amaral “A coleção etnográfica de cultura religiosa afro-brasileira do Museu de Arqueologia e Etnologia da Universidade de São Paulo” (doc. no. 1110533)].

Leia este comentário crítico em português
Annotations

O documento registra, pela primeira vez, a produção escultórica do artista plástico argentino Hector Bernarbó, conhecido como Carybé. Junto do artista Mário Cravo Júnior, Carybé é um dos poucos a representar o universo religioso do Candomblé - religião brasileira de matrizes africanas - por meio de uma linguagem tridimensional. Carybé destaca-se, sobretudo, por sua obra gráfica e pictórica voltada para o registro de múltiplos aspectos da cultura popular do estado da Bahia. Sendo um iniciado no Candomblé, seus desenhos chamam a atenção pelo detalhamento iconográfico, denotando um profundo conhecimento dessa religião. Os 27 painéis em madeira foram realizados para o Banco da Bahia e, posteriormente, doados ao Museu Afro Brasileiro da Bahia. São de madeira de cedro entalhada, com incrustações de ouro, prata, búzios, cobre, latão, vidro e ferro. Essas obras traduzem em pormenores particularidades do culto aos orixás, como são denominadas as divindades do Candomblé.

Ver também: CARYBÉ et all. Iconografia dos deuses africanos no candomblé da Bahia. São Paulo: Raízes Artes Gráficas, 1981.

d1- Adesões à cosmogonia negra ou ao estudo da cosmogonia negra

d1- Arte e religiosidade

Revert to English annotations
Researcher
Carlos Moura; Heloisa Espada, collaborator
Team
FAPESP, Sao Paulo, Brazil
Location
Acervo Pessoal Carlos Eugênio Marcondes de Moura