Documents of 20th-century Latin American and Latino Art

www.mfah.org Home

IcaadocsArchive

Document first page thumbnail
Editorial Categories [?]
Synopsis

The synopsis in English are coming soon.

Leia esta sinopse em português
Synopsis

Tadeu Chiarelli caracteriza a produção internacional contemporânea pelo afastamento da auto-expressão e aproximação da estética industrial, derivada de uma lógica serial e modular, em oposição à ênfase dada às propriedades físicas ou químicas da matéria. Afirma que a produção brasileira contraria essa postura, substituindo-a por uma lógica pré-industrial e uma vivência da inteligência artesanal não erudita, através da apropriação dos procedimentos artesanais. Percebe também a recuperação da "gestalt" de imagens e objetos da cultura popular e regional, que se manifesta pelo ornamental, pelo arranjo e pela beleza. O texto traz para discussão trabalhos concebidos a partir da própria estrutura sugerida pelo uso de módulos, com mínima ou nenhuma intervenção do artista. Corda, borracha, chumbo e vidro teriam sido investigados quanto à capacidade de resistência no espaço e no tempo. Rasgar, romper, torcer, jogar, costurar tornam-se ações precisas e determinadas por ou contra a matéria que constitui a obra. Chiarelli ressalta o paradoxo entre anônimo e autoral em algumas obras, e observa a conjunção da visualidade não-erudita brasileira e questões da arte internacional.

Revert to English synopsis
Annotations

The annotations in English are coming soon.

Leia este comentário crítico em português
Annotations

O crítico e historiador de arte Tadeu Chiarelli demonstra interesse nos procedimentos de citação e apropriação de imagens para a construção das obras artísticas. Esse texto acompanha a mostra "15 artistas brasileiros", realizada no Museu de Arte Moderna de São Paulo, de outubro a dezembro de 1996, também apresentada no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro e no Museu de Arte Moderna de Salvador. Autor e curador da mostra, Chiarelli volta seu olhar para a apropriação das imagens e procedimentos da cultura popular e do artesanato, o que, segundo ele, seria uma singularidade da arte brasileira. Participam da mostra, entre outros artistas, José Leonilson, Efrain de Almeida e Luiz Hermano. Os três poderiam representar a diáspora cearense. Leonilson (falecido em 1993) veio com a família de mudança para São Paulo; Luiz Hermano veio na década de 1970; Efrain de Almeida, mais jovem, emigrou para o Rio de Janeiro na década de 1980. Os três guardam em comum a manualidade em seus trabalhos, característica que poderia ser identificada com o artesanato ou arte popular vistas no interior do Ceará. O texto foi republicado com o título "Colocando dobradiças na arte contemporânea", no livro do autor "Arte Internacional Brasileira" (São Paulo: Lemos, 1999, p. 121-127).

c- Apropriações. Entrecruza/o de culturas: cult popular e cult erudita; cult artística e indústria cultural; cult rural, cult urbana, cult suburbana

c- reciclagem de meios e processos artísticos        ver tb L

Revert to English annotations
Researcher
Equipe Brasil: Ricardo Resende
Team
FAPESP, Sao Paulo, Brazil
Location
Acervo Pessoal Marco Andrade